quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

SÃO BRAS

Neste dia lembramos a vida santa de São Brás, venerado tanto no Oriente como no Ocidente, nasceu na Armênia, no século III, foi médico e bispo em Sebaste.
Como profissional na medicina, usava dos seus conhecimentos médicos para resgatar a saúde, não só do corpo, mas também a da alma, pois se ocupava de evangelizar os pacientes.
No tempo de São Brás aconteceu uma forte perseguição religiosa, por isso, como santo bispo, procurou exortar seus fiéis à firmeza da fé. Por sua vez, o santo de hoje, que era testemunho de segurança em Deus, retirou-se para um lugar solitário, a fim de continuar governando aquela Igreja, porém, ao ser descoberto por soldados, disse: "Sede benditos, vós me trazeis uma boa-nova: que Jesus Cristo quer que o meu corpo seja imolado como hóstia de louvor".
São Brás é conhecido como protetor da garganta, justamente porque, ao se dirigir para o martírio, lhe foi apresentada uma mãe desesperada com seu filho, que estava sufocado por uma espinha de peixe entalada na garganta; diante desta situação o Santo em Deus curou milagrosamente a criança.
Já processado e condenado, São Brás enfrentou, sem trair a fé em Jesus, muitas torturas, até mesmo a de arrancarem com dentes de ferro pedaços de sua carne, até ser degolado em 316.
Oração a São Brás
Ó glorioso São Brás, que restituístes com uma breve oração
a perfeita saúde a um menino que, por uma espinha de peixe
atravessada na garganta, estava prestes a expirar, obtende para
nós todos a graça de experimentarmos a eficácia do vosso
patrocínio em todos os males da garganta.
Conservai a nossa garganta sã e perfeita para que possamos
falar corretamente e assim proclamar e cantar
os louvores de Deus.
Ouvi, ó Deus, as preces do vosso povo, (pedidos...)
confiado no patrocínio de São Brás;
concedei-nos a paz neste mundo e a graça de chegar
à vida eterna. Amém
 Pedimos por  intercessão de São Brás, Bispo e Mártir, livre-te Deus do mal da garganta e de qualquer outra doença. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Ámem.                                          

   
São Brás, rogai por nós!

0 comentários:

Postar um comentário